UM SONHO OLÍMPICO




UM SONHO OLÍMPICO
“Todo atleta em tudo se domina;
aqueles, para alcançar uma coroa corruptível;
nós, porém, a incorruptível.”
1 Coríntios 9:25
Pr. Cleverson Gilvan



A emoção tomou conta de milhões de brasileiros. Todas as atenções estavam voltadas para o resultado que viria de Copenhagen. Essa seria a oportunidade da primeira olimpíada realizada na América do Sul. De repente as atenções se voltam para o presidente do Comitê Olímpico, o hino olímpico soa, mas os corações esperam ansiosamente a abertura do envelope que traz o nome da cidade sede das olimpíadas de 2016. O envelope é aberto e.... Rio de Janeiro. Esta será a sede das olimpíadas.
Até chegar nesse momento muitos trabalharam duro e, certamente, até o momento da realização das olimpíadas muito trabalho será realizado. Mas esse sonho será, como já é desde já, a alegria de um momento, apenas de um momento.
O texto bíblico supracitado revela a sublimidade da esperança cristã. Enquanto o esforço do atleta traz um recompensa “corruptível”, nós buscamos uma coroa incorruptível e imarcescível.
Contudo, devemos observar que a analogia proposta pelo apóstolo Paulo nos permite algumas aplicações, limitadas, naturalmente, pelo ensino geral das Escrituras:
I) Como atletas de uma olimpíada celestial devemos nos esforçar para cumprir nossa missão.
É sabido que todo atleta se prepara cuidadosamente para competir. Como cristãos devemos investir tempo em oração, consagração e crescimento espiritual. Cristãos bem preparados podem impactar o mundo.
II) Sob a sugestão do “espírito olímpico” que reúne povos e culturas tão diferentes sob um mesmo lema, devemos desenvolver a comunhão fraterna, a despeito das nossas diferenças.
É inspiradora a comunhão proporcionada pelos jogos, mas é arrebatadora a comunhão produzida pelo Espírito Santo do Senhor na vida da sua igreja. Se com algo passageiro muitos se emocionam, com algo sobrenatural muitos se transformam.
III) Contudo, ao contrário da premiação olímpica, devemos lembrar que os vencedores não são necessariamente os primeiros, mas os que recebem pela graça a coroa e vivem em fidelidade diante do Senhor.
Nos jogos apenas os primeiros recebem o prêmio, mas diante do Senhor todos os que são fiéis e recebem o dom da salvação.
Além disso, não precisamos esperar até 2016 para desfrutar da alegria de participar de uma olimpíada. A partir do momento que vivemos com Cristo já desfrutamos da alegria de sermos mais que vencedores.
Pense nisto!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Mensagem no Culto de Abertura do CPO 2012 - IBEL

A INTERCESSÃO DO ESPÍRITO

SCHLEIERMACHER