Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2010

Uma Igreja Consolada pelo Senhor

Imagem
Hoje eu estava preparando o estudo bíblico para a igreja e me deparei com um vídeo abençoador. Resolvi publicá-lo no meu blog, junto com os slides do estudo. Espero que abençoe a sua vida, como abençoou a minha. Pr. CleversonAgora o vídeo: Veja que lição maravilhosa!
Isaías 58.6-7
JEJUM
Rev. Cleverson Gilvan
INTRODUÇÃO.
Neste estudo não discutiremos aspectos que, segundo nosso propósito aqui, julgamos secundários. Como por exemplo, a questão de jejuns parciais e totais, ou ainda, preparação e entrega. Como é este nosso primeiro contato com o assunto, discutiremos, a priori, a sua prática no meio cristão.

CONCEITUAÇÃO
A palavra grega (nhstei>a) tem o sentido de abstinência. O termo dá a idéia de deixar de comer por falta, voluntariamente ou por motivos religiosos - segundo James Strong no seu dicionário Greek Dictionary Of The New Testament.
John Davis o conceitua simplesmente como uma abstinência de alimentação ou o espaço de tempo em que se dá o jejum, que pode ser voluntário ou involuntário.

A PRÁTICA DO JEJUM NO AT

A linguagem do Pentateuco é ambígua quando trata de Jejum. A ausência do termo pode sugerir, num primeiro momento, que não havia nenhuma espécie de prescrição. Mas há quem sustente que expressões como “Afligireis as vossas almas” de Lv…